Igrejas e organizações pró-eclesiásticas

Texto retirado do Manual Operacional MPC Brasil, 3ª edição.

A MPC é uma organização pró-eclesiática. A denominação “para-eclesiástica” assumiu, com o tempo, uma conotação negativa, de clandestinidade. Foi dado o sentido de que a “verdadeira igreja” tem sua expressão na igreja local – denominacional – e que as organizações que atuam fora de seus limites são um “mal necessário”.

 

Ainda hoje há aqueles que consideram Missões como MPC, JOCUM, ABU, Cruzada Estudantil, entre outras, uma “muleta” da igreja. Compreendem que uma igreja saudável cumpre cabalmente a Grande Comissão sem necessidade das para-eclesiásticas, e que estas, por sua vez, foram fruto da deficiência da igreja institucionalizada, tradicionalista, presa e engessada pela burocracia organizacional e hierárquica.

 

É verdadeiro o fato de que, em busca de liberdade para mover-se de acordo com o Sopro do Espírito, muitos líderes, apaixonados pela Visão vinda de Deus, se voltaram para a flexibilidade e liberdade que os Movimentos proporcionam, em contraste com a rigidez gerada pela institucionalização de muitas igrejas. Ministérios que atuam para além da vida da igreja local, brotaram para preencher lacunas e alcançar aqueles que as comunidades locais não conseguem atingir.

Porém, podemos facilmente cair num equívoco comum: esquecemo-nos de que a Igreja tem suas diversas expressões no mundo, de maneira que a igreja local – denominacional – não é representante exclusiva do Reino de Deus na terra, mas é uma de suas expressões. Os ministérios especializados, as equipes interdenominacionais ou indenominacionais, as agências missionárias, os centros de treinamento, enfim, os diversos segmentos que cooperam juntamente para a edificação da Igreja e a expansão do Reino de Deus, são também expressão da Igreja do Senhor Jesus no mundo. Afinal, o “templo do Espírito” são os crentes salvos em Jesus, e não as paredes de uma Igreja. Onde há crentes reunidos, ali está a Igreja de Jesus.

 

Podemos então concluir que, a vocação da igreja local não poderá ser substituída, assim como a vocação das organizações especializadas não poderá ser desprezada.

 

A Mocidade para Cristo surge não como uma “muleta” da igreja local, menos ainda como um substituto, mas como um braço, trabalhando a partir dela, com ela e a favor dela. As organizações pró-eclesiásticas são uma grande bênção de Deus para o mundo.

Telefone

(61) 3224 - 6821

(61) 98118 - 0836

Endereço:

SDS Conic - Ed. Venâncio II sala 409

Links: